5 substitutos do whey protein

O Whey protein é um suplemento a base de proteína do soro do leite, comercializado nas formas concentrado, hidrolisado ou isolado. Para saber mais, leia mais mais aqui e aqui . Geralmente, uma dose de Whey protein contém entre 20 e 25g de proteína. Esse suplemento está associado ao ganho de massa muscular e perda de gordura corporal.

No journal Of Nutrition and Metabolism, foi publicado um estudo em 2015, que comparou dieta com alimentos protéicos a uma dieta com uso de whey protein em praticantes de exercício. O  resultado foi que tanto a dieta quanto o whey protein melhoram a composição corporal dessas pessoas.

Confira quais alimentos da dieta apresentam uma quantidade de proteína semelhante ao whey protein:

1. Ovo
Um ovo cozido contém aproximadamente 1g de carboidrato, 6g de proteína e 6g de gordura, principalmente na gema, onde encontramos o colesterol ( 275mg). Fazer um omelete de 1 ovo integral e mais 3 claras vai atingir uma quantidade semelhante de proteína a uma dose de Whey protein. Além disso, o ovo é rico em fósforo, potássio e vitamina A.

2. Queijo cottage
Esse é um dos queijos mais magros existentes no mercado. Em 100g, encontramos quase 24g de proteína, 6g de carboidrato e 8,5g de gordura. É rico em caseína, uma proteína do leite com alto valor biológico e de absorção lenta, muito usada antes de dormir para evitar catabolismo durante as horas de sono.

3. Iogurte
Existem alguns iogurtes no mercado brasileiro que contém uma quantidade interessante de proteína por porção. Um exemplo é o Danio, da Danone, cujo pote contém em torno de 10g de proteína, 13g de carboidrato e 2,8g de gordura. O SansSuci (produzido no Sul do Brasil) e o grego contém em média 5,5g de proteína num potinho.  O consumos de 2 unidades de Danio por dia, por exemplo, chega próximo a uma dose de proteína do Whey.

4. Peixe
Uma posta de 100g de bacalhau refogado contém, em média, 24g de proteína, 1,2g de carboidrato e 3,6g de gordura. A mesma quantidade de filé de merluza assado contém 26g de proteína, menos de 1g de gordura e 0g de carboidrato. Vale mencionar que o valor do colesterol na carne dos peixes é menor quando comparado com carne bovina e que muitos são ricos em ômega-3, principalmente os selvagens.

5. Carne suína
A carne suína era tratada como uma comida “rançosa”, mas apresenta menos colesterol sua composição do que a carne bovina. O lombo assado é uma opção para quem procura variar o cardápio, pois 100g contém 35g de proteína, 6,4g de gordura e 0g de carboidrato. Outra opção é o pernil assado, com 32g de proteína, mas com uma quantidade maior de gordura (14g) o que confere um sabor mais apetitoso.